Mais resultados

Generic selectors
Apenas pesquisas exatas
Pesquisar por titulo
Poesquisar por conteúdo
Post Type Selectors

Siga Gamefera no:

Pesquisar
Close this search box.

Futuro dos Jogos como Serviço com Harry Potter

O novo jogo de Harry Potter da Warner Bros promete ser um teste decisivo para o modelo de jogos como serviço (GAAS), enfrentando um mercado saturado.

A Warner Bros está preparando o terreno para o lançamento de um novo jogo de Harry Potter, que promete ser um grande teste para o modelo de jogos como serviço (GAAS). Esse lançamento vem em um momento crítico para o setor, onde gigantes como Sony, Ubisoft, EA e Square Enix também apostam alto no modelo GAAS.

No entanto, como analistas de videogames têm reiterado, nem todos esses projetos podem prosperar simultaneamente. A situação atual dos jogos como serviço foi bem resumida no último episódio do Jimquisition, destacando os desafios e a saturação do mercado.

Harry Potter: Uma Franquia de Sucesso na Encruzilhada

Diferente de outros projetos GAAS, o jogo de Harry Potter tem a vantagem de se basear em uma das franquias mais populares do mundo, com uma base de fãs estabelecida desde a infância. A venda de mais de 22 milhões de unidades de Hogwarts Legacy, um dos jogos mais vendidos de 2023, mostra que o interesse pela franquia permanece forte. Entretanto, a decisão da Warner Bros de adotar o modelo GAAS após o sucesso de um jogo “tradicional” levanta questões sobre as motivações por trás dessa estratégia, focada principalmente na geração de receita recorrente.

A transição para o modelo GAAS é vista com ceticismo por parte da comunidade e dos especialistas, devido à natureza “difícil” desse modelo de negócio. O crescimento dos gastos em videogames está desacelerando, e o mercado para novos gastos em serviços ao vivo está se contraindo. O caso do Payday 3 ilustra bem esse ponto, com jogadores relutantes em abandonar títulos estabelecidos por novas ofertas GAAS que oferecem pouca inovação.

Para que novos títulos GAAS tenham sucesso, eles precisam oferecer algo novo e original, capaz de justificar a transição dos jogadores de jogos antigos. Isso cria um dilema: os jogadores são atraídos para novos jogos que ganham popularidade, mas para ganhar popularidade, esses jogos precisam dos jogadores.

O novo jogo de Harry Potter representa um momento decisivo para o modelo de jogos como serviço, enfrentando um mercado cada vez mais saturado e competitivo. A questão fundamental é se a jogabilidade será atraente o suficiente para sustentar o interesse a longo prazo, desafiando a tendência de jogos GAAS que lutam para reter sua base de jogadores.

A Warner Bros enfrenta um desafio significativo: equilibrar a exploração de uma franquia amada com as demandas de um modelo de negócios que exige constante inovação e engajamento. O sucesso de Hogwarts Legacy mostra que há um apetite por experiências profundas e narrativas no universo de Harry Potter, mas será que um jogo como serviço conseguirá capturar e manter esse interesse? O tempo dirá se este novo projeto será capaz de superar os obstáculos e definir o futuro dos jogos como serviço.


Tópicos relacionados: Gamer, Jogos.

Não perca nenhuma novidade! Siga-nos agora mesmo nas redes sociais: FacebookTwitterInstagram e Pinterest.

Sobre o autor

Mais resultados

Generic selectors
Apenas pesquisas exatas
Pesquisar por titulo
Poesquisar por conteúdo
Post Type Selectors

Mais resultados

Generic selectors
Apenas pesquisas exatas
Pesquisar por titulo
Poesquisar por conteúdo
Post Type Selectors

Siga Gamefera no: