Mais resultados

Generic selectors
Apenas pesquisas exatas
Pesquisar por titulo
Poesquisar por conteúdo
Post Type Selectors

Siga Gamefera no:

Pesquisar
Close this search box.

Sony chama CMA de ‘irracional’ sobre o caso Microsoft-Activision

A Sony aparenta estar enfurecida com as decisões tomadas pela CMA no caso da aquisição da Activision pela Microsoft.
Disputa entre Sony e Xbox na aquisição da Activision pela Microsoft

A Sony aparenta estar enfurecida com as decisões tomadas pela CMA no caso da aquisição da Activision pela Microsoft. Em 31 de março a Sony enviou um documento com observações, e chama CMA de ‘irracional’ sobre suas conclusões provisórias no caso.

Sony chama CMA de 'irracional'
Créditos: Sony – Playstation

O ducumento contém observações sobre o adendo do CMA às conclusões provisórias publicadas em 24 de março. No item 2 do texto a Sony chama CMA de ‘irracional’ dizendo: “A inversão da posição do CMA sobre a teoria de danos de seus consoles é surpreendente, inédito e irracional”.

A Sony decidiu agir após relatatos de que a CMA esteja à favor da Xbox em sua aquisição da Activision Blizzard. Enquanto isso, a Sony continua alegando que a Microsoft pode fazer de Call of Duty um exclusivo do Xbox.

Além disso, a Sony afirma que a conclusão mais recente da CMA é baseada “quase exclusivamente em um único modelo econômico no qual ela coloca ‘peso significativamente maior’ do que nas outras evidências disponíveis”.

Apesar da Microsoft já ter mencionado – mas nada em contrato – , que iria na verdade abranger a distribuição do Call of Duty, a Sony então argumenta que ela poderia reter o jogo de plataforma. Com a retenção de Call of Duty nos consoles PS, a Sony acredita que a competição se inclinaria à favor da Xbox, deixando-a em desvantagem.

A Sony também afirmou que a situação recente envolvendo Redfall é uma prova de que a Microsoft não merece confiança. Ela cita como prova disso a entrevista que o diretor do jogo, Harvey Smith, concedeu à IGN afirmando que uma versão PlayStation 5 chegou a ser desenvolvida, mas foi cancelada pela dona do Xbox.

Entretanto, a dona do Xbox afirmou novamente que não tem incentivos para tornar Call of Duty uma série exclusiva às suas plataformas. “Conforme a Microsoft explicou através da investigação da CMA, tal estratégia não faz sentido comercial e iria resultar na Microsoft perdendo bilhões do valor do acordo”.

Por fim, o documento aponta a conduta da Microsoft após a sua aquisição da ZeniMax, que detém títulos como Starfield, Elder Scrolls VI e Redfall. A Microsft já mencionou que tais títulos serão exclusivos do Xbox, reforçando o argumento da Sony.

Fonte: Documento da Sony.

Sobre o autor

Mais resultados

Generic selectors
Apenas pesquisas exatas
Pesquisar por titulo
Poesquisar por conteúdo
Post Type Selectors

Mais resultados

Generic selectors
Apenas pesquisas exatas
Pesquisar por titulo
Poesquisar por conteúdo
Post Type Selectors

Siga Gamefera no: