Mais resultados

Generic selectors
Apenas pesquisas exatas
Pesquisar por titulo
Poesquisar por conteúdo
Post Type Selectors

Siga Gamefera no:

Pesquisar
Close this search box.

Ray Tracing em CPUs: O Futuro dos Gráficos em Jogos?

Modder demonstra execução de ray tracing diretamente em CPU, desafiando a necessidade de GPUs poderosas para gráficos avançados.
Sobre Ray tracing em CPU
Sobre Ray tracing em CPU.
Sobre Ray tracing em CPU
Sobre Ray tracing em CPU.

A corrida incessante por gráficos cada vez mais realistas em jogos eletrônicos pode estar prestes a tomar um novo rumo com a recente demonstração de ray tracing sendo executado em uma CPU.

Tradicionalmente, essa tecnologia, conhecida por proporcionar iluminação, sombras e reflexos extremamente realistas, exige GPUs poderosas com processadores dedicados a ray tracing. No entanto, o desenvolvedor Konstantin Seurer mostrou que talvez exista outro caminho, utilizando apenas o processamento da CPU.

Inovação no Processamento Gráfico

Konstantin tem trabalhado na implementação de recursos em uma versão baseada apenas em CPU da biblioteca gráfica Mesa Vulkan, de código aberto. Ao habilitar a função Implement VK_KHR_ray_query, ele abriu possibilidades para que funções de ray tracing possam ser executadas em CPUs, com uma demonstração prática usando o clássico Quake 2.

Apesar da falta de detalhes sobre a especificação do hardware utilizado, fica claro que há um potencial para inovação, embora o desenvolvedor alerte: “Não pergunte sobre o desempenho“, claramente por conta do baixo FPS alcançado no jogo.

Desafios e Potencial

O projeto ainda enfrenta desafios, especialmente no que se refere à eficiência e desempenho. Uma captura de tela compartilhada mostra que, no momento do teste, a taxa de quadros estava em apenas 1fps, com 34% de utilização da CPU e 0% da GPU, evidenciando que todo o processamento estava sendo realizado pela CPU.

O motivo pelo qual apenas uma fração da capacidade total da CPU estava sendo utilizada não foi esclarecido, sugerindo que a distribuição de carga entre múltiplos núcleos ainda pode ser um obstáculo.

Olhando para o Futuro

Embora a viabilidade de rodar jogos com ray tracing exclusivamente em CPUs ainda pareça distante, o trabalho de Konstantin sinaliza um potencial interessante para o futuro dos gráficos em jogos. Os interessados em experimentar esta inovação poderão fazê-lo com o lançamento da versão 24.1 da Mesa, que incluirá as adições de ray tracing de Konstantin após meses em modo de aprovação.

Enquanto o setor aguarda o desenvolvimento dessa tecnologia, jogadores que buscam uma experiência imediata de ray tracing de alta qualidade ainda dependem de GPUs avançadas, como as da série Nvidia GeForce RTX.

No entanto, a possibilidade de executar tais recursos gráficos avançados diretamente em CPUs abre um debate interessante sobre o futuro da computação gráfica e a dependência de hardware especializado. À medida que a tecnologia evolui, resta-nos acompanhar os próximos capítulos dessa inovação potencialmente disruptiva.


Tópicos relacionados: Gamer, Tecnologia.

Não perca nenhuma novidade! Siga-nos agora mesmo nas redes sociais: FacebookTwitterInstagram e Pinterest.

Sobre o autor

Diretor chefe do website Gamefera. Viciado em jogos desde a época em que jogos ainda eram apenas jogos, ele teve seu primeiro encontro com esse mundo mágico em uma Lan House, que se tornou sua segunda casa. Seu primeiro console de verdade chegou quando ele já tinha os seus 25 anos; aos 12 anos ele já desbravava os limites do seu PC fraquinho, enfrentando Skyrim a 20 FPS como um verdadeiro herói destemido. Nada o impedia de jogar e explorar cada cenário épico que o mundo dos games tinha a oferecer.

Mais resultados

Generic selectors
Apenas pesquisas exatas
Pesquisar por titulo
Poesquisar por conteúdo
Post Type Selectors

Mais resultados

Generic selectors
Apenas pesquisas exatas
Pesquisar por titulo
Poesquisar por conteúdo
Post Type Selectors

Siga Gamefera no: