Mais resultados

Generic selectors
Apenas pesquisas exatas
Pesquisar por titulo
Poesquisar por conteúdo
Post Type Selectors

Siga Gamefera no:

Pesquisar
Close this search box.

Qualcomm Desafia Fronteiras dos Jogos em Arm com Snapdragon X Elite

A nova aposta da Qualcomm, o chip Snapdragon X Elite, promete rodar jogos x86 em Windows Arm sem a necessidade de portabilidade, agitando o mercado de tecnologia para jogos.

A Qualcomm lançou uma promessa ousada que pode redefinir as expectativas para jogos em dispositivos Windows Arm: seu novo chip Snapdragon X Elite pretende rodar a maioria dos jogos x86 “sem complicações“, sem a necessidade de portabilidade específica.

Essa afirmação coloca a empresa no centro das atenções, prometendo uma integração quase imediata de títulos existentes na nova arquitetura, um feito notável que já foi parcialmente realizado pela Apple com sua transição para chips Arm próprios, utilizando o software de tradução Rosetta 2.

A chave para essa transição bem-sucedida, segundo a Qualcomm, reside na capacidade de emulação sem perda significativa de desempenho, beneficiando-se principalmente do fato de que muitos jogos são limitados pela GPU, não pela CPU. Este ponto é crítico, pois sugere que o desempenho do jogo pode depender mais da GPU Adreno do Snapdragon X Elite do que da capacidade de processamento do chip em si.

Desafios e Oportunidades na Transição para Arm

Apesar da promessa de uma transição suave, o desempenho real dos jogos em dispositivos Arm, especialmente no que tange à emulação de títulos x86, ainda é um território largamente inexplorado com variáveis significativas. A experiência da Apple mostra que, embora seja possível rodar jogos x86 em chips Arm, o desempenho pode variar, especialmente em jogos, um segmento historicamente desafiador para emulação.

Durante a GDC (Game Developers Conference), a Qualcomm apresentou aos desenvolvedores três opções para adaptar seus jogos ao novo chip Arm para Windows, incluindo portabilidade completa para ARM64, aplicativos híbridos que misturam emulação e execução nativa, e a opção de “fazer quase nada” e confiar na capacidade de emulação do chip. A promessa é de que a maioria dos jogos “simplesmente funcionará”, uma proposta que, se cumprida, poderia transformar significativamente a paisagem de jogos para dispositivos Arm.

Perspectivas Futuras e Competição no Mercado de Chips

Enquanto a Qualcomm se mostra otimista, demonstrando o Snapdragon X Elite rodando The Witcher 3 em configurações de baixa qualidade a 1080p, o verdadeiro teste será sua comparação com a performance de APUs como a Phoenix da AMD em jogos do mundo real. Além disso, a questão dos drivers de qualidade surge como um potencial desafio para a Qualcomm, um aspecto crítico para o sucesso de qualquer plataforma de jogos.

A possibilidade de usar GPUs dedicadas com o Snapdragon X Elite também é mencionada, apesar de não haver detalhes sobre laptops específicos que poderiam combinar o chip da Qualcomm com, por exemplo, uma GPU Nvidia RTX 4080 mobile. Esta combinação representaria o verdadeiro teste do poder de emulação da Qualcomm e sua capacidade de competir no mercado de jogos para PC.

A promessa da Qualcomm com o Snapdragon X Elite é ambiciosa, sugerindo uma potencial mudança de paradigma na forma como os jogos são jogados em plataformas Arm. Se bem-sucedida, esta iniciativa não só validaria a estratégia da Qualcomm como também desafiaria a predominância de longa data das arquiteturas x86 no gaming. O cenário é de expectativa e cautela, aguardando a comprovação das capacidades do chip em testes independentes e na experiência real dos jogadores.

Fonte: The Verge.


Tópicos relacionados: Windows, Atualidades.

Não perca nenhuma novidade! Siga-nos agora mesmo nas redes sociais: FacebookTwitterInstagram e Pinterest.

Sobre o autor

Mais resultados

Generic selectors
Apenas pesquisas exatas
Pesquisar por titulo
Poesquisar por conteúdo
Post Type Selectors

Mais resultados

Generic selectors
Apenas pesquisas exatas
Pesquisar por titulo
Poesquisar por conteúdo
Post Type Selectors

Siga Gamefera no: