Mais resultados

Generic selectors
Apenas pesquisas exatas
Pesquisar por titulo
Poesquisar por conteúdo
Post Type Selectors

Siga Gamefera no:

Pesquisar
Close this search box.

Bloodlines 2 Sem as Missões com Cartões-Chave

Conheça a nova abordagem de Vampire: The Masquerade - Bloodlines 2, sem missões de cartões-chave, e como ele redefine a jogabilidade.
Bloodlines 2 Sem
Foto: Bloodlines 2 Sem missões de cartão.

Após uma série de reviravoltas no desenvolvimento de Vampire: The Masquerade – Bloodlines 2, os fãs finalmente podem vislumbrar um novo horizonte. Os desenvolvedores originais da Troika fecharam as portas, seguidos por atrasos e demissões na Hardsuit.

Então, veio a notícia de que a The Chinese Room, conhecida por suas narrativas não combativas excepcionais, assumiria o projeto. A questão que paira no ar é se o jogo conseguirá chegar ao fim.

O diretor de design da The Chinese Room, Alex Skidmore, compartilhou suas visões em um novo diário de desenvolvimento da Paradox Interactive, revelando o caminho único que Bloodlines 2 está trilhando. Nosso primeiro pilar de jogo é: ‘Sentir-se como um Vampiro’“, afirma Skidmore. A equipe está empenhada em fazer com que cada ação no jogo transmita a sensação de ser um predador noturno.

Os outros dois pilares do jogo são Combate Visceral e Imersivo e Explorar o Mundo das Trevas. Skidmore brinca sobre visitar uma sala cheia de pilares da equipe de desenvolvimento, cada um representando um clã de programadores e designers.

No entanto, o destaque está na abordagem única para o combate. Inicialmente, o jogo se assemelhava a Dishonored, mas a equipe decidiu que isso não estava de acordo com a natureza de um vampiro. Queremos construir uma experiência de ação onde os jogadores se sintam confiantes, quase provocando os inimigos com suas disciplinas. Testadores usam a frase ‘brincando com sua comida’, explica Skidmore.

Comparando com a versão anterior da Hardsuit, Bloodlines 2 agora coloca os jogadores no papel de um vampiro ancião navegando pelas intrigas políticas dos mortos-vivos de Seattle, em vez de um iniciante.

Em outras notícias relacionadas a RPGs, a RPS publicou recentemente uma lista dos melhores RPGs de todos os tempos, e a versão original de Vampire: The Masquerade – Bloodlines ficou em 16º lugar.


Tópicos relacionados: Gamer.

Não perca nenhuma novidade! Siga-nos agora mesmo nas redes sociais: FacebookTwitterInstagram e Pinterest.

Sobre o autor

Mais resultados

Generic selectors
Apenas pesquisas exatas
Pesquisar por titulo
Poesquisar por conteúdo
Post Type Selectors

Mais resultados

Generic selectors
Apenas pesquisas exatas
Pesquisar por titulo
Poesquisar por conteúdo
Post Type Selectors

Siga Gamefera no: